• INICIO
  • /
  • SOBRE O BLOG
  • /
  • RESENHAS
  • /
  • EMPODERAMENTO FEMININO
  • /
  • /
  • COMPRE O MEU LIVRO
  • [Resenha]:O Lar da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares


    Gente nem vou cumprimentar vocês porque preciso dizer... MEU DEUS! Eu nunca fiquei tão empolgada com uma trilogia como fiquei com essa. O que é essa narrativa? E esses eventos? E essas fotografias? Cristo Pai, quase enfartei! Mas vamos por partes hahaha.
     Eu estou falando da trilogia O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares (que no terceiro livro teve seu nome alterado para O Lar da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares). Vamos começar pelo nome. Esta trilogia teve seu nome alterado, pois com o desenrolar da história, todos acabam percebendo que a casa onde habitam não é um orfanato (onde crianças órfãs vivem), e sim um lar, onde estão seguros e felizes.


     A narrativa é composta por diversos personagens incríveis, dentre eles há alguns 
    que possuem um maior destaque; como Olive a garota que flutua, Bronwyn com sua extrema força, Hugh e suas abelhas, Millard o garoto invisível e os principais Emma a garota que produz fogo e Jacob com seu super poder. (Não vou contar o poder dele, mas garanto... é o melhor de todos).
    Cada criança possui a sua peculiaridade, o que pode ser algo maravilhoso, mas também muito perigoso. Como toda boa história onde existe o bem, existe o mal. E nesta história, o mal é extremamente forte.


    Tudo começa quando Abe avô de Jacob, resolve mostrar a ele algumas fotografias de seu passado e juntos começam a relembrar as histórias contadas por seu avô na infância de Jacob. Jacob sempre acreditou nas histórias mas conforme foi crescendo, foi perdendo a fé e começou a achar que as histórias eram inventadas por seu avô. Seus pais começam a achar que Abe já está com uma idade tão avançada, que resolvem interna-lo em uma clinica de repouso. Um dia Abe liga para Jacob desesperado, informando-o que ele foi encontrado e que estavam indo mata-lo. Jacob vai com seu amigo a casa de Abe para entender do que ele estava falando, quando chega lá, encontra Abe jogado na floresta que há atrás da casa, já sem vida. Jacob escuta um barulho, olha na direção do barulho e vê um grande animal em meio as sombras, o animal que matou Abe.
    Abe realmente morreu, mas não sem antes deixar pistas para seu neto de um outro mundo, coisas além do que ele poderia imaginar, segredos que acabariam revelando o motivo do assassinato de Abe, como também o fariam encontrar o mais puro amor.

     Sem dúvidas essa trilogia se tornou a minha segunda história preferida (primeiro vem Harry Potter - claro). Ela é repleta de segredos, mistérios, um leve terror e muito amor.
     Dia 29/09 estréia o filme baseado no livro e dirigido pelo meu amado Tim Burton, estou super ansiosa, apesar de estar com medo de me decepcionar, pois pelo trailer já foge bem da história narrada pelo Ransom Riggs. Mas como é do Tim Burton, eu não vejo a hora de estrear hahaha 
     Vou deixar o trailer aqui abaixo, caso ainda não tenham visto.


     Os livros são simplesmente perfeitos. Espero vocês também achem.

     Beijinhos, até a próxima ;-*

    Se esforçar ou não?




     
     Ontem dia 12/09/2016 eu terminei o meu relacionamento, após diversas tentativas de que algo melhorasse. 
     E enquanto a internet quebrava com o texto super cheio de amor do Duvivier, eu estava pensando em como eu fui parar ali, naquele estado, como fui ficar tão cheia de sentimentos ruins por uma pessoa que conheço a menos de dois meses. Então resolvi escrever sobre.
     O meu relacionamento não deu certo por um simples motivo, eramos completamente incompatíveis. Ela gosta de fazer o que vier na cabeça, não pensa nas consequências que isso trará pra si futuramente - como faltar no trabalho porque estava triste por ter perdido o celular. Já eu, penso no dia de amanhã, penso em como um ato poderá atrapalhar tudo.  Ela gostava de fazer as coisas como bem entendia, sem ter que dar satisfação a ninguém. Já eu, me importo demais com as pessoas e gosto de saber o que esta havendo. Ela achava que me presentear era uma forma de mostrar que se importava comigo, já eu achava, que a melhor forma de mostrar isso, era se importando de verdade.
     Hoje mesmo, ela ficou falando coisas ao meu respeito para minha cunhada, como se eu fosse a pior pessoa do mundo. Eu por outro lado, preferi não machucá-la mais ainda. Mas olha la, eu me importando demais novamente.

     Não se engane, não ache que este texto é apenas uma lamentação do meu breve porém intenso relacionamento. Pois realmente não é. Este texto é uma analise, do que foi feito e do que poderia ter sido feito.
     A relação não foi de todo ruim, não mesmo, ele me mostrou um jeito mais divertido que os filmes do Resident Evil podem sim ser "assistiveis", me mostrou que um par de olhos azuis brilhantes e um biquinho fazendo drama, podem conseguir quase tudo o que desejam, me mostrou que um beijo pode ser incrível e que um abraçado pode ser chamado de lar. 

     Mas acabou, e não estou escrevendo isso para me declarar e pedir pra ela voltar. Jamais. Estou escrevendo este texto, para mostrar que com um pouco mais de esforço, duas pessoas incompatíveis podem sim ficar juntas e serem felizes. Então, se você gosta, se esforce, diga o quanto é importante pra ti e o quanto faz os seus dias mais alegres. Mas se você perceber que não deve insistir nessa relação, que ela pode acabar lhe trazendo mais sofrimento do que alegrias, faça igual eu. Deixe ir.

     A sua vez vai chegar. Talvez você tenha que se esforçar, talvez não.

    Deus não vai fazer tudo o que você quer



    A fé não é a crença de que Deus fará o que você quiser. A fé é a crença de que Deus fará o que é certo.” 
    (Max Lucado)

    Deus sabe exatamente o que precisamos. E se algo que você tanto quer não aconteceu, talvez não seja disso que você precisa. Ou pelo menos não agora. Tudo tem seu tempo determinado, lembra?
    Não é fácil ouvir um ‘não’ de Deus, ainda mais quando é uma coisa que você quer muito e tem orado a tanto tempo por aquilo.  Muitos dos nossos planos são até bonitinhos, até Deus reconhece que é, e fica feliz quando nos olha lá de cima e nos vê sonhando acordado com um futuro bonito onde Ele está no inicio meio e fim. 
    Já fiz tantos planos bonitinhos, apresentei a Deus em oração, e eu poderia jurar que Ele se orgulharia e daria tudo certo. 
    A resposta foi não. Chorei kkk 
    Deus fez tudo do jeito dEle e eu não entendi o porque de nada; mas hoje eu entendo o propósito de tudo. 
    Deus estava lá, no meu futuro. Ele sabia que aquilo que eu sonhava não era de fato tão perfeito assim, Ele sempre sabe, de tudo. Por isso é importante lembrar que os sonhos de Deus são sempre maiores e melhores que os nossos, Ele conhece o nosso amanhã. Enquanto nós planejamos algo incrivelmente bonito Deus já está agindo para nos dar algo extremamente maravilhoso, além dos nossos sonhos. Deus é onipresente e onisciente, Ele sabe a conseqüência que cada escolha nossa pode causar no nosso futuro; o que é perfeitamente lindo hoje pode ser bem diferente no mundo de amanhã. 

    Como diz Max Lucado:  Deus te ama demais para saciar todos os seus caprichos.
      
    O Criador sabe direitinho o que a gente precisa, ele conhece nossas necessidades, sonhos e desejos e está sempre em ação, trabalhando ao nosso favor. E como todo bom pai, Ele nunca vai nos dar tudo o que queremos, e sim o que é melhor. Ele sabe o que é melhor.


    Deus prometeu suprir todas as nossas necessidades. O que não temos agora, não precisamos agora.

    ...

    Você não precisa deixar de sonhar, os sonhos deixam a vida mais bonita. Os sonhos nos dão uma certa motivação.
    Faça uma lista com seus sonhos mais bonitos. Lute por eles. 
    Ore, e caso receba um 'não' de Deus, risque-o da sua lista. Repita pra você mesmo que Deus tem algo melhor e pule para o próximo sonho.
    Minha mãe sempre me disse: tenha sempre um plano B. E eu te digo: tenha sempre um sonho de reserva. Pra caso aquele outro seja frustrado, porque acontece. Afinal de contas: Deus não vai fazer tudo o que você quer. Ele vai fazer o que é melhor.

     
    © FALA DI- 2017. Todos os direitos reservados. : MK Designer e Layouts. Tecnologia do Blogger. imagem-logo